Isolamento Térmico: como deixar sua casa mais fresca

08/22/2019
  • Soluções Acústicas
Como deixar sua casa mais fresca
Os materiais de isolamento térmico auxiliam no controle da temperatura, levando conforto para o ambiente. Saiba como usá-los para deixar sua casa mais fresca!

Para controlar a temperatura na sua casa, os aparelhos de ar-condicionado e ventiladores são as opções que predominam. Mas, além de aumentar a conta de energia no final do mês, não são as soluções ideais que irão garantir o conforto que você precisa. Os materiais de construção são uns dos responsáveis quando falamos de garantir uma boa temperatura.

 

Veja nos tópicos abaixo quais materiais usar para deixar a sua casa com a temperatura ideal!

Lã de vidro

A lã de vidro Isover Wallfelt 4+ é ideal para quem busca uma melhor manutenção da temperatura local, contribuindo também como uma barreira de som entre os ambientes. Não é incrível?

 

O produto consiste em um feltro de lã de vidro revestido em uma das faces com véu de vidro. Ele garante eficiência na isolação térmica, graças ao confinamento de ar entre suas tramas.

 

O melhor é que o isolante térmico se adequa a qualquer tipo de vedação, inclusive em áreas sujeitas à umidade, como cozinhas e banheiros.

 

Paredes de drywall + lã de vidro

 

 

A instalação de lã de vidro na parte interna das paredes de drywall aumenta ainda mais o conforto acústico e térmico dos ambientes. A aplicação acontece de maneira tão simples como toda a montagem das paredes de drywall. Veja no vídeo:
 

 

 

Viu as soluções de isolamento térmico podem trazer conforto para sua casa? Conheça mais sobre a lã de vidro e as vantagens em usar esse material na obra!

Entenda o que é poluição sonora e os efeitos causados em sua saúde

08/20/2019
  • Soluções Acústicas
Entenda o que é poluição sonora e os efeitos causados em sua saúde
Saiba o que é poluição sonora e os prejuízos que ela pode trazer para sua saúde.

Você sabe o que é poluição sonora? A audição é um sentido evolutivo fundamental, em que a percepção de sons e ruídos nos ajuda na comunicação e identificação de fontes de perigo. Atualmente, a audição tem sofrido cada dia mais com um efeito capaz de prejudicar a saúde e diminuir a capacidade auditiva, a poluição sonora.

Essa condição constante em nossa rotina traz prejuízos a curto e longo prazo para todos que estão expostos a ela. Pensando na importância desse assunto, reunimos algumas informações importantes a respeito da poluição sonora e seus efeitos na saúde das pessoas. Continue a leitura conosco e confira!

O que é poluição sonora?

Antes de saber o que é poluição sonora, devemos entender que ela é um dos maiores problemas ambientais dos grandes centros urbanos, sendo menos frequente em regiões mais afastadas.  

 

A poluição sonora é todo e qualquer ruído que possa causar danos à saúde. São diversas as situações que provocam desconforto acústico, desde uma pessoa falando alto, até o ruído de um avião decolando. 

Ela acontece quando o som altera a condição normal da audição em um espaço. Diferente de outros tipos de poluição, não se acumula no meio ambientes, entretanto, ocasiona diversos dados à saúde, qualidade de vida, e fauna, sendo considerada um problema de saúde pública em todo o mundo.

Efeitos da poluição sonora

A poluição sonora pode causar, além da perda auditiva, alterações no sono, irritação, depressão, zumbido, agressividade, perda de desempenho cognitivo, e outras doenças. Confira alguns efeitos causados pelos ruídos excessivos.

Efeitos auditivos

Ao saber o que é poluição sonora, é fácil entender porque ela é a causa mais comum de perda auditiva. Nosso sistema auditivo é formado por células sensoriais de audição que, uma vez lesadas, não se regeneram.

A surdez causada pelos danos por meio da poluição sonora pode acontecer a longo prazo, como em exposição prolongada a um ambiente de nível de ruído médio, como indústrias e trânsito, ou imediato, como um tiro de revólver próximo ao ouvido. 

Irritação

A irritação aparece quando o ruído interfere nas atividades diárias, em sentimentos, sono e momentos de descanso, provocando reações negativas como raiva, cansaço, e outros sintomas de estresse.

Doença cardiovascular

A poluição sonora também pode ser relacionada com doenças como infarto, hipertensão arterial e acidente vascular encefálico. Devido à exposição constante, ocorre maior estímulo no sistema nervoso autônomo, elevando a pressão, e contribuindo para processos como a aterosclerose.

Desempenho cognitivo

A poluição sonora foi reconhecida como um problema de saúde pública pela Organização Mundial de Saúde por seus efeitos sobre crianças e adolescentes. Nessa idade, os ruídos aumentam os efeitos da irritabilidade, dificuldade de concentração e frustração, prejudicando diretamente o desempenho escolar e cognitivo. 

Distúrbios do sono

A qualidade do sono interfere de forma direta na saúde. Mesmo enquanto dormimos, percebemos e reagimos aos ruídos, que impedem o efeito restaurador de diversas funções, mantendo o nível de estresse elevado de forma inconsciente. 

Como o isolamento acústico pode ajudar

 

Atualmente, existem diversas alternativas de isolamento acústico, que minimizam ruídos e protegem o indivíduo dos malefícios da poluição sonora, como dispositivos de vedação, portas reforçadas, e placas de drywall. O drywall é um material sustentável e termoacústico, responsável por atenuar ruídos internos e externos, com a possibilidade de aplicação em pisos, tetos e paredes

Na hora de construir ou reformar, tenha em mente o que é poluição sonora e os malefícios que ela pode causar em sua saúde e de sua família. Procure a melhor alternativa para combater os ruídos indesejáveis e prejudiciais.
 

Agora que você conhece os efeitos da poluição sonora, que tal saber um pouco mais sobre drywall? Uma das melhores alternativas termoacústicas para sua construção!

Veja como manter o conforto acústico de seu ambiente com 3 dicas

08/13/2019
  • Soluções Acústicas
Veja como manter o conforto acústico de seu ambiente com 3 dicas
Saiba como garantir o conforto acústico no seu projeto com apenas 3 dicas!

A Norma de Desempenho NBR 15.575 assegura às edificações resistência mecânica, estanqueidade, proteção ao fogo, conforto térmico e também conforto acústico. Desde seu início, em 2013, a norma tem promovido grande melhora na acústica das unidades habitacionais.

Problemas como ruídos de passos, objetos caindo, janelas e portas que não isolam barulhos da rua ou entre cômodos, instalações e equipamentos barulhentos precisaram ser solucionados com isolamento acústico após a norma entrar em exercício, garantindo o bem-estar e comodidade. No post a seguir, vamos mostrar como esses problemas podem ser resolvidos com 3 dicas para obter conforto acústico. Continue conosco para conferir!

Conforto acústico

O conforto acústico pode ser definido como diminuição da fuga ou entrada de ruídos internos ou externos, em um determinado ambiente. Com a racionalização da construção civil, estruturas e materiais foram se tornando mais leves, finos, e menos espessos, como portas, janelas e paredes, na intenção de diminuir o peso das construções e, consequentemente, diminuir o custo.

1. Mantas

Desenvolvidas a partir de materiais como lã de vidro, podem ser utilizadas como piso acústico no contrapiso, paredes, forros para teto e manta subcobertura.

Em pisos, são usadas para evitar que ruídos de impacto, como passos e móveis sendo arrastados, passem para os outros andares de um prédio. Recomenda-se que a manta seja aplicada entre laje e contrapiso durante a construção para evitar a transmissão sonora entre estruturas, e proporcionar conforto acústico.

2. Painéis acústicos

Os painéis acústicos funcionam absorvendo as ondas sonoras e diminuindo sua reflexão no espaço. Na composição dos painéis, diferentes materiais podem ser utilizados, como MDF, lã de vidro e fibras sintéticas.

São indicados para o tratamento acústico de salões de festas, salas de jogos e salas de cinema. Em residências, é indicado para ambientes com home theaters, evitando vibrações excessivas e abafamento sonoro. Atualmente, a Isover tem a linha Decorsound, composta por painéis modulares disponíveis em 16 cores. Sua composição de lã de vidro revestida com tecido na face aparente contribui para a melhoria da performance acústica de ambientes minimizando a propagação de ruídos. Na decoração sua versatilidade e facilidade de aplicação permitem que ele se adapte a qualquer ambiente e permite. Decorsound é ideal para quem procura aliar o conforto acústico com acabamento estético superior.

3. Drywall

Outra dica para garantir o conforto acústico, é a utilização de drywall, material composto por chapas de gesso acartonado em estrutura de aço galvanizado. As paredes de drywall são muito conhecidas no mercado por sua leveza e economia, além de vantagens acústicas. 

Para desempenho ainda mais satisfatório, o sistema conta com recheio de lã de vidro, aumentando a absorção sonora. Além de paredes internas, o drywall pode ser utilizado como reforço em tetos de alvenaria, na intenção de minimizar ruídos externos.
 

Você conferiu 3 dicas das soluções mais utilizadas no mercado atual para diminuir o incômodo e garantir conforto acústico. Escolha a que melhor se encaixa em sua necessidade e evite estresse e desentendimento com vizinhos.

Gostou deste assunto? Então, conheça também a importância do tratamento acústico nas escolas!

Lã de vidro: por que usá-la como isolante termoacústico?

08/06/2019
  • Soluções Acústicas
Por que usar lã de vidro como isolante termoacústico?
Conheça a lã de vidro, material mais indicado para isolamento termoacústico em projetos residenciais, comerciais e industriais!

Você já ouviu falar na lã de vidro? Utilizado em diversos conceitos no mundo todo, esse material é um dos mais tradicionais isolantes termoacústicos e está presente na maior parte dos projetos de construção. 

Se você está iniciando uma obra ou reforma, e precisa de uma opção de isolamento termoacústico que realmente faça a diferença, proporcionando conforto e bem-estar, acompanhe o post a seguir. Nele, você conhecerá um pouco mais sobre a lã de vidro, material que lidera o mercado da construção civil, por sua qualidade, segurança e eficácia superior à outros. 

Para que serve a lã de vidro?

A lã de vidro é um componente fabricado a partir de sílica e sódio, aglomerados por resina sintética e desenvolvido de forma específica para melhorar o isolamento termoacústico, e contribuir para a obtenção de conforto em edificações comerciais e residenciais. 

A lá de vidro é utilizada para impedir a entrada de ruídos externos, promovendo a receptividade acústica. Além disso, conserva a temperatura correta do espaço, evitando perdas e excessos. 

Performance do material

Performance da lã de vidro


Devido sua formação fibrosa, a lã de vidro é um dos melhores materiais para isolamento acústico. Quando a onda sonora entra em contato com a lã de vidro, é facilmente absorvida devido à porosidade do material. Com a fricção entre a onda e a superfície das fibras, parte da energia sonora é convertida em calor, fazendo-a perder intensidade e resultando no aumento de absorção ou isolação sonora. Tal fenômeno não acontece em outros materiais não-fibrosos.

Vantagens

As inúmeras vantagens da lã de vidro garantem sua popularidade na área da construção civil. Além disso, trata-se de uma opção versátil que pode ser utilizada em pequenas reformas até projetos grandiosos. Confira algumas vantagens desse material:

  • facilidade na aplicação (forros, paredes e divisórias);
  • boa durabilidade;
  • incombustível, diferente do poliestireno, material altamente inflamável;
  • resistente a animais e insetos;
  • não à proliferação de fungos e bactérias;
  • suporta calor e umidade;
  • sustentável

 

Saiba como aplicar a lã de vidro

 

Agora você já sabe porque deve escolher a lã de vidro para sua construção ou qualquer outra atividade que seja necessário promover isolamento termoacústico com material de qualidade e alta durabilidade.

Gostou destas informações? Então, veja também como realizar tratamento acústico para piso!

4 dicas para fazer isolamento acústico em apartamento

07/25/2019
4 dicas para fazer isolamento acústico em apartamento
Conheça agora mesmo 4 dicas práticas de como fazer isolamento acústico em apartamento!

Morar em um apartamento pode ter vantagens como comodidade, praticidade e segurança. No entanto, nada disso valerá a pena se não existir isolamento acústico. Devido à estrutura construtiva, quem mora em apartamento pode sofrer com barulhos que podem surgir à direita, esquerda, acima e abaixo, acabando com a tranquilidade e conforto.

 

Para evitar esse incômodo e até mesmo desentendimentos com vizinhos, providenciar um isolamento acústico na parede do apartamento, piso ou teto é a solução. Pensando em sua comodidade, desenvolvemos este artigo com dicas para realizar o isolamento e minimizar os ruídos inevitáveis.

Como o isolamento acústico em apartamento funciona?

O isolamento acústico é uma espécie de barreira criada por meio de materiais específicos que têm como objetivo impedir a propagação de ruídos, sejam eles de dentro para fora ou de fora para dentro. Esses ruídos podem ser aéreos (propagados pelo ar, como música, conversas, sons de aviões) e de impacto (propagados na estrutura do prédio, como passos, objetos caindo, batidas).

Dicas práticas para fazer isolamento acústico em apartamento

O ideal seria que o isolamento acústico fosse realizado no momento da construção. Entretanto, mesmo depois de ter o apartamento pronto, ainda há maneiras de fazer isolá-lo acusticamente, por isso daremos a seguir algumas dicas práticas para ajudar na redução de ruídos em seu apartamento. 

1. Tenha janelas e portas bem vedadas

Entrada de ar também significa entrada de som. Uma boa solução para diminuir os ruídos é trocar portas e janelas por caixilhos acústicos de PVC ou alumínio, compostos por vidros duplos ou triplos que impedem a passagem de ruídos. Entretanto, o custo destas portas e janelas é bem mais alto que a instalação de materiais para isolamento acústico.

2. Invista em isolamento nas paredes

A melhor solução para quem procura formas de fazer isolamento acústico em apartamento é investir em materiais para isolamento de parede como lãs de vidro e painéis acústicos, além de revestimentos de gesso. 

 

Depois de conhecer nossas 4 dicas de isolamento acústico para apartamento, você não precisa mais sofrer com ruídos inconvenientes de seus vizinhos. Escolha a melhor solução para seu problema e coloque em prática!

 

Gostou do artigo? Então, aproveite para conhecer um pouco mais sobre painéis acústicos!

 

Lã de vidro: o que é e como atua no isolamento acústico

07/08/2019
  • Soluções Acústicas
Lã de vidro
Saiba como a lã de vidro pode ajudar no isolamento acústico na hora de construir ou reformar.

Se você está buscando soluções para acabar com o barulho, você com certeza já deve ter pensado em utilizar a lã de vidro. Pode ser em casa, para evitar o som dos vizinhos barulhentos, no escritório, para evitar os barulhos do trânsito, ou em uma fábrica, para impedir que os barulhos cruzem os ambientes e se misturem.

 

A convivência constante com barulhos pode desenvolver altos níveis de ansiedade e estresse, atrapalhando no sono e a qualidade de vida. Por isso, o ideal é que você isole, sim, o som de um ambiente.

 

Uma das melhores soluções para quem busca isolamento acústico de qualidade é a lã de vidro. Com um custo-benefício bom, o isolamento feito com lã de vidro pode ser aplicado em paredes de alvenaria ou em estruturas de drywall.

Mas, afinal, o que é a lã de vidro?

Como o próprio nome já dá a entender, a lã de vidro é feita, realmente, de vidro (o mesmo que é usado para fazer copos e janelas). Na produção da lã de vidro, o vidro é aquecido até fundir e de se tornar um filamento fino na espessura de uma linha.

 


 

Saiba os 10 motivos para escolher lã de vidro Isover para a sua obra:

 
 

Prós em utilizar a lã de vidro para isolamento acústico

 
 

 

Por ser uma opção acessível e de fácil aplicação, a lã de vidro pode ser a melhor solução para quem quer se livrar dos barulhos intensos. Pode ser utilizado na construção civil desde o início da obra até mesmo nas reformas.

 

Algumas das vantagens de utilizar a lã de vidro são essas:

  • As lãs de vidro são melhores em absorver o som do que alguns tipos de materiais usados em isolamento acústico;

  • É altamente resistente: a umidade e também é incombustível. 

  • Não contribui para a proliferação de bactérias e fungos;

  • Excelentes para isolamento térmico, economizando no ar condicionado;

Baixe o material que preparamos especialmente para você e saiba tudo sobre lã de vidro!

Quer saber mais sobre as soluções que a ISOVER pode oferecer? Acompanhe o nosso blog e fique por dentro de tudo!

 
 

ISOVER LANÇA LÃ DE VIDRO PARA COBERTURA COM NOVA TECNOLOGIA

11/30/2017
  • Soluções Acústicas
LÃ DE VIDRO PARA COBERTURA
A aplicação de lã de vidro traz enormes benefícios aos ambientes. O conforto térmico e acústico estão entre os mais notáveis, mas a segurança, incombustibilidade, alta resistência e facilidade na instalação também ganham destaque. 


Esse foi o ponto de partida para a Isover desenvolver a linha 4+. Essa nova geração de lãs de vidro inspirada na natureza, possui uma cor que remete ao tom natural da terra e é a evolução natural de outras lãs acústicas da empresa, com a adição de uma resina que evita a liberação de pó no ato da instalação. O resultado é um produto muito mais agradável ao toque e que proporciona muito mais conforto para os instaladores.

O primeiro teste foi mais do que satisfatório. Utilizado para cobrir um galpão de 2 mil m² que armazena produtos químicos na região leste de São Paulo, o Facefelt 4+ chamou a atenção dos profissionais que trabalhavam na obra, o produto foi considerado mais macio, mais fácil de instalar e não deixa resquício de pó nos dedos.

O Facefelt 4+ é ideal quando se precisa de isolamento térmico e acústico em ambientes que possuem coberturas metálicas ou de fibrocimento de grandes metragens como hipermercados, indústrias ou shopping centers. Mas pode ser utilizada, também, em obras de pequeno e médio porte devido à facilidade na sua instalação.