LBQ

market_cooking ovens_banner.png

 

Materiais para isolamento de fornos

Fogões e refrigeradores são o coração de todas as cozinhas. Para atender as exigências das famílias modernas e dos negócios, esses equipamentos precisam operar com máxima eficiência e total segurança. Por exemplo, o isolamento de fornos é utilizado para reduzir o risco de incêndio e limitar o aquecimento das laterais.

Como resultado das crescentes preocupações com questões ambientais, a economia de energia de eletrodomésticos está permanentemente sob os holofotes. Portanto, fabricantes buscam criar eletrodomésticos que atinjam as mais altas classes de energia, tais como A+++ ou A-30%. Isso envolve novos desafios aos materiais para isolamento de equipamentos domésticos. 

No Brasil, por exemplo, o Selo Procel indica os níveis de economia energética de cada equipamento desde 1993. Desde então, foram economizados 22,02 BI KWh de energia elétrica, e evitou-se a emissão de 1,36 MI TON de CO2 na atmosfera.

Certamente, ao longo de todo esse período, a lã de vidro Isover desempenhou um papel fundamental para que esses níveis fossem obtidos.

A melhora na qualidade, no desempenho, na produtividade e na competitividade são constantes neste mercado. Para isso, o isolamento desempenha um papel importantíssimo. Ao reduzir a perda térmica de fogões pelas laterais, o isolamento otimiza a eficiência desses equipamentos, permitindo a máxima quantidade de calor para ser usada no cozimento ou na refrigeração do alimento.

Para os fornos de cozinha, a Isover desenvolveu específicos produtos de lã de vidro, que combinam excelente custo-benefício aos mais altos padrões performance em isolamento térmico, além da capacidade de operar em temperaturas acima de 350ºC.

Produzida a partir de 80% de vidro reciclado e matérias-primas de fontes locais, como a areia, a lã de vidro da Isover está perfeitamente alinhada com as exigências ambientais e com a sustentabilidade.